Número 36 . Novembro 2010
Manvia no Metro do Porto em consórcio com Vibeiras, Ferrovias e SUMA

Inserida no consórcio vencedor do concurso de operação e manutenção do Sistema de Metro Ligeiro da Área Metropolitana do Porto (SMLAMP), em parceria com a BARRAQUEIRO, KEOLIS e ARRIBA, a MANVIA, detendo 10%, constituindo a PROMETRO, SA, iniciou em Abril, os serviços de manutenção das instalações fixas, com um período de transição de 8 a 31 de Março.

Os serviços abrangem a actual rede do SMLAMP constituída por 5 linhas, totalizando 68 km de extensão, em via dupla, 73 estações, 31 parques de estacionamento e as futuras extensões da linha amarela (D. João II - S.to Ovídeo), da linha Dragão-Cabanas e da linha Ismai-Paradela.

A rede serve 5 concelhos da AMP : Póvoa do Varzim, Vila do Conde, Maia, Matosinhos, Porto, Vila Nova de Gaia, ligando, brevemente a Gondomar.

A MANVIA,  em consórcio externo com a FERROVIAS, VIBEIRAS e SUMA, assegura a manutenção das instalações fixas, em que se destacam :

• Estações subterrâneas (15) e de superfície (58)

• Subestações de tracção e Postos de Transformação

• Sistemas de ventilação e Bombagem

• Elevadores e escadas rolantes (com subcontrato)

• Desratização

• Sistemas de segurança integrada

• Parques de estacionamento

• Obras de arte e construção civil

• 68 Km de Via e catenária (FERROVIAS)

• Espaços verdes (VIBEIRAS)

• Limpeza de via (SUMA)

Adstritos a este contrato, A MANVIA dispõe de 3 engenheiros (sendo um coordenador e director do consórcio externo, um para a área das subestações de tracção / postos de transformação e um para as instalações fixas / edifícios), 20 técnicos de manutenção (nas áreas das instalações eléctricas, climatização / ventilação e outras instalações), uma administrativa, uma equipa externa de trabalhos de construção civil e serviços de apoio à produção.

A Vibeiras tem a seu cargo a área de intervenção dos 68 km de extensão e os trabalhos consistem na conservação e manutenção do material vegetal de toda a rede: nas laterais das linhas e taludes, nas estações e nos parques de estacionamento.

São executadas as operações culturais de rotina - corte, limpeza, mondas manuais e químicas, controle dos sistemas de rega, e as operações sazonais, tais como a fertilização, os tratamentos fitossanitários preventivos e curativos, a poda de árvores e arbustos, a escarificação de relvados, entre outros.

Está incluído na prestação de serviços os custos de água de rega e o material de rega danificado ou vandalizado.

Esta empreitada é de grande importância para a Vibeiras pois permitiu consolidar a estratégia de aumento de obras na área metropolitana do Porto

À consorciada Ferrovias e Construções SA comete a prestação de serviços de manutenção nas especialidades de via-férrea e catenária, em aproximadamente 144 Km de via e 196 Aparelhos Mudança de Via, implantados na malha urbana do grande Porto.

Todas as inspecções para detecção e monitorização de patologias realizadas no espaço canal, da responsabilidade do consórcio Manvia/Ferrovias/Vibeiras/Suma, são realizadas pela consorciada Ferrovias, potenciando assim a criação de sinergias, visando criação de valor para o cliente ViaPorto (ProMetro).

A estrutura que coordenará e desenvolverá as acções de manutenção estará localizada no PMO, situado em Guifões, e terá carácter permanente, sendo composta por uma equipa com experiência na área de manutenção de infra-estruturas ferroviárias, nas referidas especialidades, incluindo pessoal de apoio à gestão.

A SUMA é responsável pela prestação dos serviços de varredura e limpeza das plataformas e carris das linhas do Sistema de Metro Ligeiro da Área Metropolitana do Porto (SMLAMP).

Nas plataformas é realizada varredura mecanizada da plataforma empedrada, sempre que necessário; limpeza manual e mecanizada da plataforma balastrada e das restantes plataformas trimestralmente; e a limpeza manual de espaços não ajardinados (bermas e valetas). Nos carris de rolamento é feita limpeza mecanizada semanalmente.

Para a coordenação, apoio e execução das tarefas estão afectos um Chefe de Serviços, um Encarregado, um Administrativo, um Mecânico, um Ajudante de Mecânico e um Lavador/ Lubrificador, num total de seis funcionários, bem como uma viatura ligeira e duas viaturas ligeiras comerciais.

Para a produção estão afectos um Motorista e um Cantoneiro (para as plataformas e carris), e um Motorista para transporte de resíduos, num total de três funcionários, que utilizam, nas suas funções, uma máquina varredora aspiradora, um aspirador pequeno, uma carrinha de caixa aberta, um camião de 26 toneladas equipado com ampliroll e uma caixa metálica de 15 m³.

  • Outras Notícias
    • Vibeiras na Inauguração do IKEA de Loures
    • Ler Mais »

© 2019 MOTA-ENGIL, SGPS